Quanto cobrar em consertos de celulares?

descubra quais celulares custam mais caro paraarrumar
por

Você sabe quanto cobrar em consertos de celulares?

A pergunta pode parecer simples, mas, hoje, existe uma série de fatores que fazem com que este tema seja relevante tanto para usuários quanto para quem conserta esses aparelhos.

Isso porque, atualmente, existem 5 bilhões de pessoas usando smartphones no mundo. Até 2019 o Brasil pode ter pelo menos 236 milhões de aparelhos – ou seja, é muito aparelho.

Por isso, é importante saber se vale a pena consertar alguns aparelhos, e mais, quanto cobrar em consertos de celulares, que é um tema que tem sido debatido, uma vez que a Samsung, por exemplo, liberou uma tabela de preços para consertos em celulares.

Quer saber mais sobre o assunto? Então continue lendo este artigo e tire todas as suas dúvidas a respeito dos serviços de manutenção de celular. Vamos nessa?

Quanto cobrar em consertos de celulares: contexto

 Por estarem cada vez mais acessíveis, os celulares, ou mais especificamente, os smartphones, já deixaram de ser uma necessidade do dia a dia e passaram a ser um item fundamental na vida de muitas pessoas.

A visão que tínhamos antigamente de um celular que tinha como função primordial fazer e receber ligações a muito tempo não se aplica ao que conhecemos.

Hoje em dia um smartphone tem conexão com a internet de fazer muito computador passar vergonha. Além disso, é o meio mais usado para acesso às redes sociais, e-mails, páginas da internet, vídeos etc.

Os celulares, hoje, conectam você com o mundo e estão sempre na palma da sua mão.

Assim, é impensável que essa conectividade não passe por alguns problemas de vez em quando, como por exemplo, o desastre que é, quando se derruba um deles no chão – e algo nele quebra.

Telas rachadas, baterias que perdem desempenho e travas no software são apenas alguns dos problemas mais comuns enfrentados pelos donos de smartphones.

Assim, para o profissional que se especializou em telefonia, é muito importante saber o quanto cobrar em consertos de celulares. E, assim, é preciso saber se determinados modelos ainda valem à pena o conserto.

Preços Variáveis

Com tantos modelos e sistemas operacionais (como o Windows Phone, Symbia, BlackBerry, Android e iOS) disponíveis, não é de se surpreender que os custos não possam ser simplesmente estabelecidos.

O mercado mostra isso através da quantidade de aparelhos que estão disponíveis e dos seus muitos preços.

Assim, existem aparelhos que possuem determinada configuração e características muito peculiares. Mas existe uma regra que podemos afirmar que é: quanto mais simples e antigo é o aparelho, menores serão os investimentos para fazê-lo funcionar normalmente de novo.

Os celulares convencionais, por exemplo, em geral, não demandam muitos gastos na hora de seus reparos. A substituição de uma mera tela, para ilustrar, custa aproximadamente R$ 50,00 (variando esse preço também se o aparelho possui um hardware mais simples).

No entanto, o mesmo não se pode dizer dos smartphones, pois quem desembolsa certa quantia para ter um aparelho potente, terá que desembolsar valores substancialmente maiores para recuperá-los.

A substituição de aparelhos mais modernos, com tela de tecnologia Gorila Glass, por exemplo, pode chegar a inimagináveis R$ 800,00 – e, nisso estamos nos referindo a aparelhos mais populares.

No caso dos iPhones, por exemplo, a chance de esse valor ser ainda maior é grande.

Aqui chegamos a um ponto interessante: a marca do aparelho também influi nos valores da manutenção.

Assim, podemos incluir também outros fatores, como por exemplo, a resolução das telas utilizadas – que, quanto maior, mais caro se torna.

Além disso, as tecnologias empregadas nesses aparelhos também são fatores que podem influenciar no preço.

O fator “novidade” ainda é outro item que deve ser levado em consideração na hora de cobrar os seus preços.

Assim, quando perguntam quanto cobrar em consertos de celulares, é preciso ter em mente que não há uma tabela fixa que abarque todos os modelos – que são muitos dentro do mercado como um todo.

Cada caso, então, é um caso.

Outra afirmação que podemos fazer é que quanto mais caro o produto e maior é a complexidade do problema, maiores são os gastos para resolvê-lo.

iphones-quanto-cobrar-na-manutencao

Os iPhones da Apple

Bem, separamos um caso à parte para estes modelos, pois é da política da empresa não realizar a substituição individual de suas peças para aparelhos que apresentem danos.

Muitas vezes, a consulta a uma assistência técnica autorizada resulta na substituição completa do aparelho.

A empresa tem a política de realizar uma análise completa de todos os aparelhos danificados que chegam às autorizadas.

Leia mais  Quais são as peças e acessórios para celulares mais utilizados

Caso seja comprovado que o problema relatado não é em decorrência de mal-uso do aparelho, ele é devidamente substituído por um modelo correspondente totalmente novo.

Obviamente, essa política conta que o aparelho esteja dentro do prazo de garantia oferecido pela própria Apple.

Entretanto, alguns produtos, que não estão mais dentro do prazo de garantia podem participar do sistema de reposição oferecidos pela empresa. Você pode, neste caso, trocar o seu iPhone antigo por um novo – pagando uma taxa inferior ao que é cobrado por lojistas.

Os valores, cabe lembrar são do ano de 2017 e levam em consideração os valores do iPlace UpGrade (desconsiderando Oi Troca Fácil, Troca Inteligente Saraiva, VIVO Renova e Brused – os valores podem ter mudado):

 

  • iPhone 4 de 8Gb: De R$ 40,00 a R$ 85,00.
  • iPhone 5s de 32 Gb: De R$ 50,00 a R$ 580,00.
  • iPhone 6s Plus de 128 Gb: De R$ 250,00 a R$ 2.300,00

 

Outro ponto que é digno de atenção é que para o produto ser elegível à troca, é preciso que ele respeite certas regras.

Por exemplo, danos causados por acidentes (como quedas) fazem com que o produto não se enquadre neste sistema. Assim como qualquer sinal de que o aparelho foi aberto ou modificado por assistências técnicas não-autorizadas faz com que ele não seja aceito pela Apple.

Quanto cobrar em consertos de celulares nas assistência técnica

iPhone: Assistências não-oficiais

Apesar de a empresa não fazer a substituição de peças individuais, as assistências técnicas não-oficiais realizam ações que envolvem desde a aplicação de películas a até mesmo a substituição completa de peças internas.

Cabe lembrar que o cliente deve estar ciente de que qualquer garantia que o parelho tinha deixa de valer.

Entretanto, cada vez mais clientes estão dispostos a pagar os preços salgados das assistências técnicas autorizadas, que chegam a cobrar, por exemplo R$ 800 para substituir a tela de um iPhone 5.

O procedimento, irrisório, diria, costuma ser realizado num mesmo dia.

É raro (tendo em vista o não-suporte aos sistemas operacionais mais modernos), mas pessoas que possuem as versões mais antigas o aparelho, como o 4 ou o 4s, podem pagar R$ 200,00 pelo mesmo procedimento.

Entretanto, a substituição da bateria (cabe salientar, um caso sério nunca resolvido pela Apple) é um dos serviços mais baratos em quaisquer versões do aparelho.

Os danos provocados por mal-uso são atendidos por assistências técnicas não-autorizadas, o que é uma grande vantagem. O que faz com que você tenha sempre em mente valores específicos para saber o quanto cobrar em consertos de celulares da marca.

Quanto cobrar em consertos de celulares samsung

O caso dos Celulares Samsung: Tabela Oficial

Neste caso, recentemente houve uma boa notícia para aqueles que são donos dos celulares da marca Samsung.

A empresa liberou uma tabela de preços para consertos nos seus aparelhos.

A iniciativa é uma maneira de a empresa manter um padrão de valores entre as suas assistências técnicas autorizadas. Além de não ter essa divergência de valores, a empresa oferece a garantia de que as peças utilizadas nas assistências são originais e os técnicos treinados.

Assim, aqui vão alguns dos exemplos mais comuns de avarias apresentadas e seus valores respectivos.

 

Serviço Aparelhos
  Samsung Galaxy J5 Samsung Galaxy S6

 

Samsung Galaxy S8+

 

Avaria na tampa traseira: R$ 35 R$ 83 R$ 160,91
Avaria na tela: R$ 217 R$ 505 R$ 1.174
Avaria nas laterais/bordas: R$ 50 R$ 201,35 R$ 1.178
Avaria no conector de fone de ouvido: R$ 72,11 R$ 99 R$ 64,23
Avaria no conector do carregador: R$ 35 R$ 49 R$ 114
Avaria no slot do cartão de memória: R$ 58,22 R$ 61,38 R$ 60,11
Avaria no slot do cartão SIM: R$ 58,22 R$ 62,05 R$ 60,11
Avaria no vidro da câmera traseira: R$ 86,46 R$ 129 R$ 94
Bloqueio da conta do Google: R$ 35 R$ 35 R$ 35
Dano parcial da placa: R$ 389 R$ 594,62 R$ 1.385
Dano pequeno na placa: R$ 35 R$ 49 R$ 1.385
Restauração de software em caso não coberto pela garantia: R$ 35 R$ 35 R$ 35
Troca de bateria: R$ 59 R$ 50 R$ 94
Valor máximo para serviço de reparo R$ 638 R$ 1.350 R$ 2.764,42

 

 

Esses valores disponibilizados pela própria Samsung servem como base apenas para aquelas pessoas que estejam com os seus aparelhos dentro da garantia.

Para você, servirá como base para o cliente que não estiver nas condições acima. Dessa maneira você poderá o preço justo, até mesmo para aqueles que optem por saber quanto cobrar em consertos de celulares com você.

Além disso, é importante a ética nessa área de atuação, uma vez que você deverá informar ao seu cliente que ele tem a opção de ir à autorizada e avaliar os preços.

Quanto cobrar em consertos de celulares troca de display touch desoxiadação

Os 10 consertos de celulares mais procurados

Sabendo que você tem as duas opções acima para redirecionar os seus clientes diretamente à autorizada, separamos uma lista com os 10 consertos de celulares mais procurados e uma média de preço.

Vamos a cada uma delas?

Serviço Preço
Troca de Tela De R$ 800,00 a R$ 900,00
Celular não Realiza mais Ligações De R$ 35,00 a R$ 50,00
Celular Molhou 10% do valor do aparelho
Celular não Carrega De R$ 20,00 a R$ 80,00
O Aparelho Está com Baixa Performance De R$ 80,00 a R$ 150,00
Má Performance da Bateria De R$ 150,00 a R$ 200,00
Problemas de Armazenamento/Aplicativos De R$ 40,00 a R$ 60,00
Sistema Superaquecido/

Problemas na Orientação da Tela

Superaquecimento de R$ 150,00 a R$ 200,00

 

Orientação de tela: de R$ 60,00 a R$ 120,00

Celular Desliga e Não Volta a Ligar De R$ 35,00 a R$ 1.400,00
Downloads que não Completam De R$ 30,00 a R$ 60,00

 

Alguns desses dados dependem, como já comentamos de uma série de fatores que variam muito de profissional para profissional de aparelho para aparelho e até mesmo de estado para estado.

Sim, pois, o conserto de um aparelho em São Paulo não vai ser o mesmo valor que o conserto em Mato Grosso, por exemplo – assim como a disponibilidade de peças o interior pode variar em comparação com a capital.

Por essa razão, um dos fatores que pode contribuir para essa variação de preços é, em resumo o mercado em que o profissional se encontra.

Cobrar preços acima ou abaixo deste mercado pode trazer consequências ruins seja em credibilidade (no caso de preços altos), seja em prejuízos (no caso de preços mais baixos).

Por essa razão o profissional, antes de definir quanto cobrar em consertos de celulares deve conhecer o seu mercado de atuação e atuar em consonância com o que é apresentado no meio.

Quanto cobrar em consertos de celulares

Quanto tempo duram as manutenções

Algumas manutenções, principalmente as voltadas ao software, podem ser resolvidas ainda no mesmo dia – dependendo, claro, da demanda de cada profissional.

No caso de serviços como alguns dos citados acima, que envolvem um ajuste nas configurações, na visita do seu cliente, em questão de minutos isso pode ser resolvido.

Os serviços que mais demandam tempo, em geral, são os que dizem respeito ao hardware, ou, à parte física do aparelho.

Troca de tela, peças, bateria e até mesmo a recuperação da placa, podem ser serviços que demandem um dia inteiro de serviço.

Um dos fatores que mais influem nesse quesito é que a maioria desses serviços dependem totalmente da disponibilidade de peças, da qualidade do distribuidor e do tipo de aparelho que está no conserto.

Assim como, em casos mais complexos a reposição de peças deve ser minuciosa para que as configurações originais do aparelho não sejam comprometidas durante o processo.

Como existem diversos casos de clientes que reclamam na internet “levei meu celular para trocar a bateria e ele voltou com problemas de conexão no fone” (apenas a título de exemplo).

Esse tipo de problema ocorre por conta da tecnologia envolvida no aparelho, onde diversas funções estão conectadas neste curto espaço – assim o trabalho de manutenção, mais que apenas resolver o problema, deve ser minucioso e detalhista com relação ao que é modificado.

Caso contrário a reputação do profissional ficará em jogo e, por conta da garantia, que deve ser dada ao cliente, podem haver idas e vindas do mesmo aparelho para consertar os efeitos subsequentes de uma má manutenção.

Assim, o resumo disso tudo é: tome o tempo que for necessário para a troca e para os testes necessários com o aparelho.

Além disso, é importante ter distribuidores de qualidade para oferecer bons produtos – e com uma boa logística.

Assim, o tempo necessário para as manutenções pode ser otimizado e o resultado disso é o cliente satisfeito.

quanto cobrar pelo reparo de celular preco maximo

Preço máximo para manutenção de celulares por região

Tomando como exemplo a tabela de manutenção de aparelhos Samsung, podemos dizer que existe um teto de valor definido para a manutenção de aparelhos – novos, principalmente.

Obviamente, existe o porém de que alguns aparelhos não possuem mais peças com distribuidores, o que pode dificultar a vida do profissional e do cliente – e pode variar ainda mais o valor quanto cobrar em consertos de celulares.

Assim, é preciso que os valores cobrados por cada manutenção obedeçam os valores do seu mercado – como citamos, por exemplo, os casos de duas cidades distintas.

Mas, como veremos mais à frente, existem casos que realmente não valem à pena investir em um conserto.

Cabe ao profissional alertar ao seu cliente sobre esses casos e explicar porque razões é melhor investir em outro aparelho – caso o cliente acate em pagar os valores estabelecidos pelo profissional, então não há problemas.

Assim, existem “n” variáveis, mas podemos dizer que as grandes capitais, principalmente do sudeste, podem ser considerados os “tetos” de valores para consertos de celular.

Entretanto, com a iniciativa da Samsung, podemos prever que nos próximos anos essa situação tenda a mudar, já que existem valores tabelados para algumas das principais manutenções solicitadas por usuários.

E, engana-se o profissional que acredita que, hoje em dia, em épocas de grande fluxo de informação na internet, os consumidores não estejam devidamente informados a respeito destes valores.

Como já foi dito: o quanto irá ser cobrado varia muito com relação à ética do profissional de manutenção. E, subestimar o acesso a informação de seus clientes é um erro.

Por essa razão o melhor a ser feito é ter uma tabela que seja um facilitador do seu trabalho baseando-se, principalmente no seu mercado de atuação. Dessa maneira o cliente não irá se sentir “enganado” pelo preço cobrado – e nem o profissional terá prejuízos na hora de definir os valores de seus serviços.

 

 

Conclusão

Muitos problemas apresentados por usuários para técnicos têm como problema maior o mal-uso ou mesmo o desconhecimento de como o aparelho funciona.

Assim, como você viu na lista dos 10 tipos de “consertos” mais procurados em manutenções técnicas são simples e até mesmo custam relativamente barato.

Porém é preciso alertar ao usuário alguns cuidados básicos na hora de utilizar o aparelho. Não encarando isso como uma forma de “não ganhar dinheiro”, mas sim como uma forma de ganhar credibilidade junto ao cliente.

Uma vez que surja um problema que peça por um olhar mais técnico, mais “clínico” por assim dizer, ele irá procurar novamente pelos seus serviços.

Além disso, sabemos que a maioria dos clientes têm um apego “sentimental” com os seus aparelhos. E, aqui, cabe alertar ao seu cliente a real necessidade (ou não) de uma substituição de aparelho.

Isso porque, como você viu acima, existe a grande possibilidade de manutenções superarem e muito o valor de um aparelho mais moderno novo.

Uma regra que pode ser utilizada por você é a dos 4 anos ou do valor do aparelho. Levando em consideração que um Moto X da primeira geração tenha sua tela trincada, não é compensatório consertá-la, uma vez que, hoje o aparelho pode ser encontrado por até R$ 450,00 usado.

Bem como comentamos, o caso dos modelos “chão de fábrica”, ou modelos de entrada, que são os que mais sofrem com a desvalorização em casos de defeitos e, mesmo com o passar do tempo, acabam por não ser bons candidatos a uma manutenção.

Dessa maneira, você poderá ter uma melhor noção, baseando-se também no mercado de sua região (se você mora na capital ou no interior) e no quanto você está disposto a oferecer de sua força de trabalho.

O caso é que definir alguns valores é uma tarefa que cabe, muitas vezes, à ética do profissional que oferece esses serviços.

Ter boas práticas nesse sentido (como por exemplo, explicar porque razão esses aparelhos não valem a pena serem consertados) é um bom começo para aqueles que não querem correr o risco de ter a sua credibilidade manchada por serviços que não têm condições de “dar certo”.

Pois, como dissemos, todo celular é virtualmente possível de voltar a funcionar, mas os gastos de mão de obra e, até mesmo, de peças, pode tornar estes serviços inviáveis tanto para o profissional como para o cliente que pagará mais por isso.

Assim, saber o quanto cobrar em consertos de celulares depende muito das informações acima, mas também da ética do profissional.

E aí, gostou do artigo acima? Que tal deixar um comentário abaixo? Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais e de marcar os seus amigos. Fique de olho em mais novidades e até a próxima!

Share

Comentários

  1. esclarecedor

  2. OS valores apresentado aqui referente a tabela de preço da samsung estão muito errados, são em media 4x menor do que os oficiais.

    • Boa noite Jorge,
      Ficamos felizes em saber que está acompanhando o conteúdo do blog, e pedimos desculpas em relação aos valores. Caso tenha uma tabela atualizada de valores para contribuição de conhecimento do blog estamos a disposição. A questão de preços é um pouco complicada, porque existe uma variação muito grande, principalmente em relação a fornecedores e o tempo, que conforme passa os preços vão caindo bastante.

  3. Olá, tudo bem, gostaria de parabenizar todo o trabalho do blog, estou começando agora na área de manutenção de celulares no interior da BA, e existe muitos fatores que se tornam um grande deficit em dificuldade de enfrentar um mercado, referente a fornecedores, logística etc., o conteúdo ajudou bastante.

    Att,

    Jarbas Dias

    • Olá Jarbas, ficamos felizes em disponibilizar conteúdo de qualidade para toda comunidade de técnicos. Espero que aproveite a cada dia e não desista da área, pois ela esta crescendo cada vez mais. Busque todo conhecimento necessário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chame no WhatsApp